Preparação Física no Futebol

O futebol é um desporto adorado por todo o mundo e praticado na grande maioria dos países. É um desporto coletivo que ajuda a manter a saúde, forma, força e resistência, mas que para fazer carreira profissional, exige um grande esforço do atleta. Para jogar futebol no topo das capacidades, é preciso ter em conta que o jogo em si é apenas uma pequena parte da preparação. É necessário estar em forma para jogar, aumentar as forças do corpo e corrigir posturas erradas.


Benefícios dos treinos específicos para o futebol

Treinar o corpo melhora as capacidades e limites do corpo humano e o mesmo aplica-se no futebol. O treino contínuo e específico para o futebol trazem imensos benefícios em termos físicos, fisiológicos, psicomotores e psicológicos, como por exemplo:

  • O aumento da capacidade aeróbica e saúde cardiovascular;
  • A diminuição da gordura corporal e aumento da tonificação muscular;
  • A criação de força, resistência e flexibilidade;
  • O aumento da força muscular e óssea.

Contudo, é importante saber quando fazer uma pausa ou diminuir o ritmo dos treinos, dado que o excesso de exercício ou má execução dos exercícios pode resultar em lesões de curto ou longo prazo, como cãibras, torções, tendinites, entre outros. Aqui torna-se importante determinar as forças e fraquezas do próprio corpo e treinar de forma adequada, o que mais facilmente é determinado com a ajuda de um personal trainer.


Importância dos treinos corretos

O atleta ideal é aquele que procura sempre melhorar e empurrar os seus limites o mais alto possível.


O Cristiano Ronaldo, Alexis Sanchez, Oliver Giroud e ainda o Edinson Cavani, são atletas que apresentam uma forma física excelente e cujo rendimento é provado quando entram em campo. Contudo, também atletas com uma musculatura menos visível mas que vão frente a frente com atletas como o Cristiano Ronaldo e têm uma excelente prestação, como o Lionel Messi e ainda o Andrés Iniesta.


Com um plano de treinos correto e o acompanhamento ideal de um profissional certificado na área, é possível aprimorar consideravelmente as habilidades do jogador, dentro e fora do campo.


1. Estar em forma permite que o jogador aguente o jogo inteiro. Os jogos de futebol do nível mais alto só permitem 3 substituições. Isto significa que, se fores um iniciante, precisas de estar em forma para aguentares o jogo todo. Além disso, convém teres melhor forma do que o teu adversário, para poderes vencê-lo constantemente cada vez que a bola está em tua posse.


2. Melhorar a musculatura e condição geral física gera controlo. Treinar para o futebol ajuda a que aprendas a receber a bola sempre na posição certa. Se estiveres fora de forma e, durante uma prova ficares cansado, então tens tendência a descuidar-te no recebimento e controlo da bola, o que pode prejudicar o jogo. Estar em forma permite que mantenhas um certo nível de energia para receberes melhor os passes.


Aquecimento e Alongamento

O futebol é um desporto extremamente desgastante para os músculos. Todos os sprints, pontapés e investidas colocam stress nos músculos, especialmente nas pernas e, sem o aquecimento apropriado, pode resultar em cãibras e outras lesões mais graves.


O aquecimento e alongamento para jogos de futebol não é um conceito novo, mas a verdade é que muitos atletas amadores subestimam a importância do mesmo, o que é um grande erro, dado que estes preparam o corpo para aguentar o jogo, prevenindo lesões.


Ao aquecermos os músculos do nosso corpo, fortalecemos o nosso organismo para o desgaste físico que se segue. Além disto, o aquecimento apropriado ajuda a diminuir o tempo de ração motora, aumenta o fluxo sanguíneo e oxigenação dos músculos e ainda refina a execução dos exercícios.


Dicas de Treino

O treino ideal será realizado em ambiente controlado, como um ginásio. Em alternativa ao ginásio, ou como complemento ao mesmo, os atletas podem ser acompanhados por um personal trainer certificado e com experiência nessa área. Na Wemovit, temos alguns personal trainer com experiência neste tipo de treino, como por exemplo a Andreia Amaral que tem experiência com atletas de Futsal Feminino.


Para treinos em casa ou sem ajuda de profissionais, deves ter algumas orientações em mente, como por exemplo:

  • O aumento do esforço muscular deve ser feito de forma gradual e não instantânea;

  • Treinos explosivos ou rápidos não devem ser seguidos de exercícios de cargas pesadas;

  • Os treinos musculares devem ser alternados. Com isto queremos dizer que, se num dia treina pernas, no próximo treino deve focar noutro grupo muscular.


Exercícios indicados para atletas de futebol

Existem vários exercícios indicados para atletas que pratiquem ou que estejam a considerar praticar futebol:

  • Lunges. Os lunges treinam vários músculos, como os flexores do quadril, os glúteos e os gémeos das pernas.

  • Alongamento dos quadríceps em pé. Os quadríceps são músculos na parte frontal da coxa e os alongamentos destes músculos não só são um exercício fácil, como trazem grandes benefícios.

  • Rotação dos joelhos e tornozelos. Os músculos ao redor das articulações também precisam ser alongados e o exercício de rotação faz exatamente isso. Basta juntar os joelhos, dobrá-los e girá-los em direção ao relógio e contra-relógio, alternadamente.


Pós-treino

O futebol é um desporto com um grande foco nas pernas, mas o treino geral do corpo traz benefícios. Com isto queremos dizer que sempre que possível, deve ser dada uma atenção aos músculos abdominais, através de treino abdominal e ainda a realização de flexões. Sprints e treinos explosivos são também uma boa forma de ganhar velocidade e agilidade. Os resultados não se vêem de imediato mas a longo prazo, cria-se uma melhoria impressionante no corpo.

Outro ponto importante a mencionar é: nunca faltar aos treinos. Se tens um plano de treinos, certamente terás o dia de descanso. É importante que sigas esse plano e não te baldes aos treinos, pois arriscas-te a perder o ritmo de treino e melhoria progressiva, especialmente quando ainda não atingiste o teu ponto ideal.


Conclusão

A chave para um treino eficaz é experimentar o estímulo de treino apropriado no momento certo. Isto porque o corpo, apesar de ter um grande potencial, também tem as suas vulnerabilidades. Cada corpo é diferente e como tal, devemos agir e treiná-lo de forma única e personalizada. Não existem obstáculos que não possam ser ultrapassados, mas a forma como o fazemos deve ser ajustada. Aqueles que procuram jogar futebol, principalmente quem queira fazer carreira no futebol, devem ter isso em consideração e ponderar até que ponto não será melhor treinar num local apropriado e com o acompanhamento correto.